Juros do financiamento imobiliário: como saber quanto vai pagar?

Juros do financiamento imobiliário: como saber quanto vai pagar?

Saber como funcionam os juros do financiamento imobiliário e sob quais formas eles serão cobrados, são alguns aspectos que causam preocupação na hora de comprar um imóvel.

Embora signifique um grande marco na vida de muitas pessoas, o ato de financiar uma moradia deve ser analisado com muita cautela, visto que pode durar até 30 anos para ser quitada.

Então, com a finalidade de negociar bons preços e se precaver de taxas com juros altos, neste post vamos explicar os detalhes essenciais para você fazer um excelente negócio. Confira!

Como funcionam os juros do financiamento imobiliário

Assim que o crédito é concedido ao solicitante, para que os custos operacionais ou possíveis inflações periódicas sejam recompensados, o credor impõe taxas de juros do financiamento imobiliário.

Dessa forma, ocorre a vinculação entre o valor financiado em vigência e o período de tempo em que os juros são estabelecidos sob um percentual que tende a incidir sobre o valor inicial.

Devido à inflação, se fosse cobrado somente a taxa de amortização dos clientes, as instituições bancárias iriam ter prejuízo. Logo, com os juros, os bancos encontraram uma alternativa para se precaver e obter lucro.

Quais são os tipos de juros mais comuns?

Em vista das diferentes modalidades de financiamentos e empréstimos, existem também, formas distintas para definir como os juros serão cobrados. Descubra a seguir os tipos mais comuns.

Juros simples

Nos juros simples, a taxa de juros recai sobre o valor total do débito. Caso tenha sido acordado que serão cobrados 10% ao mês sobre as parcelas do empréstimo, o cálculo vai ficar assim:

  • Empréstimo de R$ 16 mil, parcelado em 20 vezes: 800 (valor da parcela) + 80 (taxa de 10% ao mês) = R$ 880,00 será o valor de cada parcela.

Deste modo, a vigésima parcela resultará em R$ 17.600,00; resultando em  R$ 1.600,00 — quantia referente ao total de juros do financiamento imobiliário que a instituição financeira vai arrecadar.

Juros compostos

Essa modalidade, conhecida também como “juros sobre juros”, requer um pouco mais de atenção na hora de calcular. E, se a pessoa não for financeiramente organizada, pode representar um grande perigo.

Em um cálculo de juros do financiamento imobiliário envolvendo juros compostos, na primeira parcela é cobrado 10% sobre o valor concedido, que se soma ao valor do capital. Isto se dá até debitar a quantia emprestada. 

Para você ter uma melhor noção sobre essa taxa, pense na seguinte situação hipotética:

  • Primeira parcela do empréstimo de R$ 12 mil, parcelado em 3 vezes:

(10% de 12.000) + 12.000 = 1.200 + 12.000 = 13.200;

  • Segunda parcela:

(10% de 13.200) + 13.200 = 1.320 + 13.200 = 14.520;

  • Terceira parcela:

(10% de 14.520) + 14.520 = 1.452 + 14.520 = 15.972.

Ainda que o exemplo tenha sido breve, foi possível perceber que, em juros compostos, sempre é utilizado o valor do mês anterior como base para o cálculo do mês atual, resultando em uma quantia bem alta.

Juros moratórios

Quando ocorrer atraso quanto ao pagamento de prestações de dado financiamento imobiliário ou quebra de acordo, esse tipo de juros pode ser aplicado.

Essa taxa de juros do financiamento imobiliário, de forma geral, é cobrada pelo credor sob forma de indenização.

Juros compensatórios

Essa modalidade atua como uma forma do credor ser remunerado a respeito do empréstimo que concedeu. Nela, é incidido a taxa de juros negociada anteriormente.

A exemplo, caso você solicite um empréstimo de R$ 8 mil, parcelado em 12 vezes, sob taxa de juros anual de 10%, o valor total a ser pago vai ser de R$ 8.800,00.

Juros do financiamento imobiliário: taxas mais aplicáveis ao financiamento

No segmento de financiamentos imobiliários, há três maneiras de maior usabilidade na hora de promover o cálculo da taxa de juros. São elas:

  • Taxa nominal: tem como base o valor inicial do crédito que o cliente adquiriu;
  • Taxa efetiva: é calculada por meio da comparação de diversas taxas utilizadas no mercado;
  • Taxa real: o cálculo efetuado nesse imposto se baseia no valor da taxa efetiva. Aspectos como, inflação acumulada no período, são considerados pela taxa real.

Financiamento imobiliário com o Meu Primeiro Apê

Em vista de que você já sabe o que é e como funcionam os juros do financiamento imobiliário, chegou a hora de colocar em ação o próximo passo: optar por uma parceira que tenha à sua disposição profissionais altamente qualificados.

E é por isso que você precisa conhecer o Meu Primeiro Apê. Essa organização possui uma equipe de especialistas que dão conta do recado e, sobretudo, sem cobrar a mais por isso!

Ao escolher o Meu Primeiro Apê, saiba que após definir uma linha de crédito que se adeque ao seu bolso, você não terá preocupações relacionadas à negociação, pois a empresa ficará a cargo de todas as etapas acerca do financiamento imobiliário.

Por que escolher o Meu Primeiro Apê?

A resposta se dá no presente e a longo prazo. A contratação dos serviços do Meu Primeiro Apê significará em uma ação que vai te atender momentaneamente, assim como atenderá as necessidades relacionadas às gerações futuras: filhos e, se for o caso, netos.

Em vista disso, sem dúvida alguma, você precisa escolher uma organização capaz de superar as expectativas presentes e futuras.

Logo, se a sua pretensão é obter êxito quanto a investir na compra de um imóvel, considerando a possibilidade de haver baixos juros do financiamento imobiliário, a contratação do Meu Primeiro Apê se mostra como a forma assertiva de você fazer isso!

Produtos e serviços

O Meu Primeiro Apê possibilita a compra de apartamento ainda na planta e disponibiliza acessibilidade a assuntos atrelados ao âmbito imobiliário (taxas e financiamentos).

O mais incrível é que você pode analisar os nossos produtos e serviços apenas acessando o site  Dessa forma, o acesso às informações do Meu Primeiro Apê pode ser realizado em qualquer lugar, desde que tenha em mãos um aparelho digital com acesso à internet.

Ficou curioso e quer saber mais sobre? Descubra em nosso site o que o Meu Primeiro Apê tem a oferecer. 

Além de ter ficado por dentro sobre os principais detalhes acerca dos juros do financiamento imobiliário, agora, você sabe também que os produtos e serviços do Meu Primeiro Apê sempre vão estar à sua disposição!

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.